O pássaro e o vento


Depois de ficar ontem o dia todo sentada em frente ao computador, hoje foi dia de ficar parada por algumas horas  pela falta da comunicação com o resto do mundo: a internet, que graças a todos os santos é a sintonia com tudo, em qualquer lugar do planeta (as vezes nem tanto por falta de sinal). Mas é nesses momentos de OUT -  fora do mundo virtual, que desfrutamos dos prazeres que a vida nos oferece, ainda que em simples atos, como uma escapada para a praia para olhar a maré, seja ela alta ou baixa, com mergulho ou sem, mas só de ficar ali, por alguns minutos sentindo o vento bater no rosto, olhar o infinito  das águas já recompensa e renovam as energias.




Um solitário pássaro voava ou equilibrava contra o vento, que parecia estar, simplesmente parado no ar, com suas asas bem abertas em plena demonstração de liberdade.



O que vale nessa vida? Viver em liberdade ou  preferir a ganância que aponta o caminho da loucura?
Bisses!

Comments