Sexta - dia de bazar ou brechó


Hoje é sexta-feira, então é dia de bazar e brechó que tanto falo, pena que ainda não descobri nenhum nesse sertão nordestino chamado Natal. Se eu descobrir outros brechós ou bazares pelos caminhos da vida, seja lá onde for, vou registrar aqui..hehehe.
Toda sexta-feira, com raras exceções, acontece o bazar da igreja, na rua Dona Salvadora, Serra, em BH. O bazar é simples e se tens paciência, agregada a sorte, dá para achar alguma peça ou acessório bacana. Olhando alguams fotos descobri que o meu pobre closet é recheado de peças do bazar, sem contar o facínio que tenho por compras nas lojas do Mercado da Moda. Se tá barato, compro. Esse defeito preciso corrigir porque senão, quem vai ter que montar um brechó sou eu, com os milhares de itens adquiridos nos últimos anos.

Quem não souber o que fazer com os pertences, a igreja aceita doações. O dinheiro arrecadado com a venda dos produtos doados é convertido em compras de cestas básicas a favor das familias carentes.

Alguns looks de peças do bazar que já passaram por aqui: camisa, cinto e calça: todos do bazar
 Bolsa xadrez, top de lurex, brincos e colar
1) - colar, top e calça...kkk...praticamente tudo
2) blusa de flor
3) calça preta
4) blusa de tricô e calça de cetim
Camisa de seda manga longa, top branco, calça bege e top listrado vermelho e branco de lurex.

Na sexta passada passei por lá sem pretensões de comprar, acabei batendo o olho em 2 bolsas e elas vieram parar na minha mão – uma de couro da Villa Vitini que achei o máximo, pena que na correria acabei esquecendo de tirar a fotinha, mas terá oportunidade (estou no RN).
E essa outra bolsa menor, que gostei e dá para usar do meu jeito....só falta o lugar para bater perna.
Preço da bolsa: R$ 3,00

fim da picada: não ter tripé e ninguém para bater a foto...hahahaha

E hoje é sexta novamente, sem brechó, mas com direito a praia e calor, porque inverno aqui passa milhas de distâncias.

Comments