Limpeza dos armários e a saga dos sapatos


O que  farias se o mundo fosse mesmo acabar no dia 21/12/12 ?

Eu lamentaria apenas tudo que deixei de fazer ou que fiz em linhas tortas, escolhas erradas, oportunidades perdidas.  E claro, como diz uma amiga, desejaria um barranco para eu morrer escorada...hahaha, mas antes gostaria de dar um mergulho no mar, que pudesse lavar até a alma.

Uma das grandes lamentações é o quanto eu queimei dinheiro com roupas nunca usadas e desajeitadas. Daquelas que você ama a primeira vista e por estar na bendita promoção com a ajuda do cartão, lá se vão sacolas cheias. Me dei conta de tamanha loucura na mudança que somente chegou ao fim no sábado. Foram sacolas e mais sacolas abarrotadas de roupas para doação. Cheguei a separar inúmeras com vestidos, blusas, jeans, saias e sapatos novinhos em folha para tentar vender a preço de banana amassada. Mas, na correria e na falta de espaço de onde deixar, resolvi doar na  última hora.

Ainda sobrou muita caixa e mala cheia pra não ter necessidade de comprar roupas por uns 10 anos (sonho da economia).
No quesito sapatos descobri alguns que nem sabia da existência deles. Olha o exagero e pra quê se separo apenas dois pares e uso até quase furar? Agora com o verão e o tornozelo inchado de dar medo, o companheiro de meses será chinelas ou uma rasteirinha, no máximo, e que entre no pé-direito-jeito-de-monstro.
além desses dois sacos enormes com sapatos, tem uma caixa e os armários CHEIOS deles.. ::)))
Mulheres, quem entende? Não tende compreender, iguais a mim existem muitas e outras por aí, piores até. Nem um psiquiatra daria solução na saga das consumistas compulsivas. Quando parar? quem vai saber, porque o mercado fashion está cada dia lançando ítens de virar a cabeça  de qualquer ser forte e normal. Imagina as fracas? !!...hahaha

Well, tudo está lá encaixotado na nova moradia com novas colegas, e ainda terei o trabalho de abrir e verificar, novamente, item por item, mas isso será no ano que vem se o mundo não acabar.

 

Comments