Turistando em Recife e Olinda em um dia - as maravilhas das cidades pernambucanas

Está sem tempo mas quer conhecer o que Recife e Olinda tem a oferecer ao turista? para se ter noção das belezas, um pouco da história e cultura de Recife e Olinda, estando na capital pernambucana vale o tour de um dia. Apesar de ser corrido, é possível ter a noção das maravilhas desses dois lugares e se encantar, para depois retornar e explorar com calma.
Ainda era cedo e ao passar pela ponte, se tem a bela vista das torres gêmeas de Recife.
Várias empresas fazem esse tour. Apesar da raiva que estava da Luck Receptivo, eles reagendaram sem problemas. O passeio é feito todo santo dia pela empresa, e lá pelas 17:00 ou um pouco antes já se está de volta no hotel.
pelo caminho antes de chegar ao Porto. ... seria um desperdício ver essas construções antigas de nossos antepassados e cheios de histórias ficarem abandonadas...mas com a copa, quem sabe né?

Primeira parada: Recife antigo. Amei e queria morar lá...rs! As fotos da arquitetura mostram quantas histórias a cidade tem pra contar. E para preservar esse patrimônio, as tintas Coral faz presença nas restaurações das cores.
Terminal Maritimo - antigo Porto a beira do Rio.
Do outro lado da rua, a cidade com suas construções marcadas pelas conquistas 
 
na pracinha do Recife antigo tem modernidade. Bikes.
Segunda parada: Olinda. Se optares por empresas maiores o tour é de ônibus grande e eles não podem subir ao topo, então, terás que ter forças nas pernas, muito protetor solar e água pra subir e descer ladeira. Ao fazer esse trajeto em Olinda a pé, o bom é que se presencia mais os detalhes e a vista, tanto na subida quanto na descida. Na volta por ser declive, todo santo ajuda. 
na subida já se inicia a vista do mar e muita história
no alto rola brisa pra compensar o ardor do sol
e essa vista hein? geral de Olinda e ao fundo Recife. Tá vendo a casa branca com 3 janelas do lado direito? é de Alceu Valença - ele não mora lá, mas dizem que continua sendo o proprietário. No tour, ao descer, se passa em frente.
no topo - rola tirar foto com a amiga pra guardar de lembrança do dia que o chapéu te deixou com cara de cangaceira
Igreja da Sé... se tem casamento, tipo dessa noiva aí, os seguranças não deixam entrar - só os convidados. A festa era ao lado no espaço da igreja, com a vista para o mar e a cidade. Imagina o calor ... era meio dia..
na praça..a partir da igreja inicia a descida
 não deu tempo de saber da história daquela madame trepada na coluna da casa.
 as casinhas coloridas e a praça da igrejinha. Já imaginou isso aqui no carnaval ? o guia disse que se mudou para Recife porque não aguentava mais o fuzuê de Olinda em tais dias.
Depois de percorrer Olinda, olhar as lojinhas de artesanato, descansar no banco da praça enquanto se ouve as canções locais ao som do violão, ao vivo e a cores, chega a hora de descer a ladeira e retornar a Recife.

Próxima parada: presídio. Achei ele lindo..rs!  Hoje funciona no local feiras de artesanato em cada cela, por todas as alas. Na cela 106 fotografava-se a rebeldia. Amei o look da calça esquelética..kkkk
Quarta parada depois do almoço: Carvalheira . Antes desse local, que é o último para quem quer comprar cachaça, há o horário para o rango. Nos arredores não tem concorrente. Então, você almoça em tal restaurante ou espera pelo jantar se não levou lanchinho! 
paraíso dos cachaceiros. Além da demonstração de todo o procedimento da famosa e popular pinga, se aprende a fazer caipirinha
e para terminar esse post gigante, as igrejas de Olinda que fui registrando pelo caminho percorrido. Todas em locais com vista de tirar o fôlego. A igreja mandava bem no domínio e posse hein?!
Preço do tour: R$ 45,00

E aí? gostaram? a real história das cidades, seu nascimento, as lutas e conquistas de cada país etc pode ser encontrada nos livros de história ou no nosso querido google.
Bom final de semana.

Comments