New York: opção de hotel mais barato

Vai pra New York e ainda não tem ideia de onde ficar? opções de hoteis são fartas, tem pra todos os gostos e bolsos, mas existe um porém que é regra geral: reserva de última hora costuma ter custo maior e é difícil encontrar vaga, simplesmente lotam, principalmente no verão. Se pretendes uma viagem tranquila, faça reservas bem antes e confirme no hotel se está tudo certo para não ter surpresa de ouvir o "não localizei sua reserva", quando chegar com aquele amontoado de malas e cara de bagaceira depois de passar horas e horas naquele assento desconfortável de todo avião. Se vai de primeira classe, sorte sua e não saberás do que estou falando...kkkk
Na série "puxando mala" eu fiquei em 3 lugares diferentes por um periodo de 9 dias. Loucura sim, mas adoro testar hotel. Primeiro passei duas noites em um hostel em Williamsburg que postei aqui. Depois fui pra cidade, quer dizer, Manhattan. Cidade porque é assim que eles falam. Vou postar depois o hotel que fiquei e achei o melhor de todos. O terceiro e que é o do post de hoje foi em Long Island, no Holiday Inn. O local é feio, porém tem custo mais em conta, estação de metrô a uma quadra do hotel e na segunda estação já está na cidade sonhada por muitos. Tem salão de beleza de frente, falei dele nesse post aqui, tem igreja, lavanderia, local para tomar um café ao estilo americano se não quiseres o do hotel, tem hoteis na vizinhança (amei o Four Seasons que abre o restaurante ao público, inclusive para o café). E ainda, da janela do hotel se tem uma vista da cidade. 
em compensação tem vista agradável da cidade, tem internet free, espaço o suficiente no quarto
Desvantagens que percebi em ficar neste hotel: Primeiro falaram que eu não tinha reserva, apesar de ter sido confirmada pelo booking, sem qualquer email deste que havia algum problema na reserva (ta aqui a dica para sempre ligar no hotel). Depois fizeram uma miscelândia de pre-autorizações no cartão de crédito e isso restringe o seu limite.
O carpete é velho, empoeirado, cheirando a mofo e tudo mais. Era difícil cair no sono. A noite parecia que o cheiro aumentava. O hotel não inclui café da manhã na diária, tem que pagar a parte se quiser. Isso é quase geral em NY.
Se você está com malas grandes e pesadas, melhor pegar um táxi pra chegar ao hotel. A estação de metrô, como diz a senhora que lá trabalha, "querida, essa estação é antiga, não tem elevador, role pelas escadas, é o único meio"...kkkk E não só aquela estação - 39th avenue falta elevador, mas muitas das espalhadas por NY.

Vantagens: Para os brasileiros que amam um churrasco, no hotel tem um restaurante à brasileira: churrascaria. Não é igual a que estamos acostumados com aquela variedade de saladas, queijos, massas, etc. Conta-se nos dedos, mas pelo menos servem bastante carne.
A internet é grátis e de boa velocidade (a maioria dos hoteis na cidade paga-se a parte). O benefício é na conta final, então pesquise antes e veja se compensa. Parece ser seguro pra andar a noite da estação ao hotel (eu não constatei problemas) e chega-se na cidade em torno de 10 minutos ou menos, dependendo do local onde irás.
Para quem pega voo no LGA, a linha do metrô é a que serve o aeroporto, bastarás descer e pegar o ônibus em frente à estação que indica ser a do aeroporto. O tempo gasto foi em torno de 20 minutos. O shuttle bus do hotel fica a 25.00$.
com a diferença da economia na diária dá para ir jantar todas as noites na cidade e ainda tomar um vinho (lembre da gorgeta do garçon: 20% no mínimo)
É a segunda vez que fico em Long Island e não me arrependo. Ano passado fiquei em um outro hotel nessa área. Para quem não viu está neste POST.
Holiday Inn todos falam mal. Mike evita esse hotel. Em Liverpool, sempre ficamos no vizinho e que pertence ao mesmo grupo, o Staybridge Suites, que pra mim não tem defeito.
Tá aí a dica se estás a procura de hotel. Tem vários outros nos arredores com cara de charmosinhos e com preços similares e até mais baratos. Só perguntar para o google.
A - onde fica o hotel
 Xoxo!

Comments