Madri: como é tour ofertado nos pacotes terrestes europeus

Acá estou nas Gerais, de volta a rotina e com o culote mais largo, enquanto o blog anda na velocidade da tartaruga, porém, devagar e sempre, vamos dando continuidade ao tour, que no último parou com a chegada em Madri. O pacote era de duas noites na capital espanhola. No dia seguinte, desejando dormir muito, o tour  iniciava as 8:30 enquanto a cidade ainda dormia e nos matava de inveja, lá íamos iniciando o dia com cara de noite. Lá fora chovia, mas não igual as chuvas de Minas, era tipo garoa gelada. Já viu aqueles comerciais de tour na velocidade da luz? tipo isso. O busão vai rodando sem parar e o guia falando sobre os pontos de destaque com parada para fotos na arena de tourada e no estádio de Madrid, seguindo para finalizar na plaza mayor. 
Palácio Real de Madrid
O tour final é feito a pé para terminar na plaza Mayor

As agências oferecem, em todas as cidades quando se está a caminho, os famosos passeios opcionais os quais tem continuidade logo após o tour que é incluindo no pacote. E claro, o tour termina lá no meio da cidade e voltar para o hotel, ainda que ele fique lá no meio do mato, se você opta em não fazer o passeio opcional, é problema seu, todinho seu. Que volte a pé, de taxi, de metrô, de bike or whatever...

Era o último e único dia que eu estaria ali, na capital e claro que eu não optei pelo passeio na cidade medieval de TOLETO. Quem foi perdeu a tarde inteira subindo e descendo o calçamento de pedra e debaixo de chuva. A maioria não gostou nem achou lá o encanto relatado pela guia. Ela era e é uma fofa, a qual aprendeu português sozinha e para ter noção mais da fala, estudou um mês em Salvador/BA. E a cidade de Toledo, ela tinha mais é que se gabar, porque é lá que ela mora.

E eu ali, na friaca e com minha sombrinha, fiquei perambolando pelas ruas, tomando café no starbucks pra descansar as canelas velhas de guerra, e óbvio, usar a internet e o banheiro hahaha. E quando decidi voltar ao Mercado de São Miguel pra comer qualquer coisa e retornar ao hotel, porque tinha um ponto de ônibus  ali por perto, sem saber a qual direção seguir, resolvi indagar um senhor por onde deveria seguir. Pra que? ali fiquei ouvindo o senhor contar estórias de si e de seus filhos que tem empresas no Brasil, e bla bla bla...e de repente ouvi: o que ? você quer ir tomar café e comer no SM? não, não vá, eles estão aproveitando do turista, explorando-os, são uns ladrões pelo preço de seus produtos, não presta, outros lugares se comem melhor e com preço real, a metade talvez? e eu ali, ouvindo atentamente aquele espanhol-português a falar sem parar, que nos emaranhados de palavras, prometi aplicar seus conselhos e segui ladeira abaixo. Passei pelo mercado, andei e resolvi voltar para comer paella com frutos do mar que na noite passada estava eu a enamorar. O resultado? você fica sabendo no próximo post....o dia seguinte foi longo.....kkkkk


Pra terminar, as fotos do quarto do hotel Praga em Madri.
Xoxo!
 A quem se interessar o endereço do site do hotel, que tem uma boa localização com transporte público é este AQUI.
O café da manhã, de todos, foi o melhor.

Comments