Maui, Hawaii: outlet para os loucos por compras

O que é que fazes quando vai pra gringa? A maioria, acho, que responderia: aproveitar cada canto dos lugares por onde passar, ir a museus, galerias de arte, restaurantes, andar pelos parques, visitar todos os pontos turísticos e descobrir os frequentados pelos locais....ou....comprar..ahahaha.

A tentação do mercado para o consumista não tem fim.Não adianta fazer promessas. Todas em vão. Você sai determinada que "nessa" viagem só vai curtir, aproveitar cada milímetro do destino até que ao fazer uma visitinha na vila se depara com um outlet. Sim, eu disse outlet. Tem gente que não gosta, eu sou uma. Mesmo não gostando, tenho que matar a curiosidade e ver o que tem se ele estiver dentro da cidade. Aquele treco de ter que pegar ônibus me desanima. No Maui outlet há poucas, pouquíssimas lojas. Poderia até nominar todas, mas não vou fazer isso não. Olhe AQUI Ó!

O sr. marido queria comprar cuecas. Isso mesmo, cuecas by Calvin Klein. Fui sabendo que todo outlet tem, praticamente, a mesma coleção. Não me surpreendi. CK tem as mesmas peças do outlet que fui em NYC. Nada diferente. Os mesmos shorts, tops, vestidos, calças etc...com o mesmo preço. E aí você conclui: pode até dizer que não, mas dá a entender que verdadeiramente se confecciona para outlets. Desculpa aí, mas se entro em lojas da CK dispostas em shoppings ou mesmo nas pontas de estoque de lojas de departamento, as peças são diferenciadas daquelas que se apresentam nos outlets.

Voltando às compras. Primeiro entramos na Guess. Sem querer querendo, depois de ver o sr. marido com várias roupas, quis comprar também. Coisa feia, admito. Amei um short jeans, já usei muito aqui. Vieram pra cesta um jeans - só porque estava on sale, palavra que deveria ser proibida, e algumas camisetas. Resultado: detestei o jeans. Apertou no joelho gordo. Fui lá trocar e peguei uma calça que não gostei, porque simplesmente não consegui achar nada que me agradasse. Outlet tem dessas coisas, nunca se acha algo que faz o seu coração bater mais forte.

A segunda loja a entrar foi CK. Eu amo a CK, é fato. Comprei várias peças da coleção de Francisco Costa para a C&A, todas aquelas que amarrotam #detalhe. O sr marido fez a festa. E eu, claro, até tentei, mas não consegui e fui com alguns tops só pra dizer que não comprei #coisademaluca. Vale a pena? Se formos pensar bem, se for para você bater no dia a dia até compensa. São peças clássicas, mas nada que se possa olhar e dizer...ooohhhhh! É tudo igual. Nada diferenciado. Será você e milhões de pessoas no mundo usando o mesmo design, corte e cor. Bom para aqueles que adoram os clássicos, tipo o sr. marido. Eu amo um frufru, mas posso usar um básico. Já usei muito nos 20s. kkkkk..Quando poderia ser ousada eu era clássica e agora que deveria ser clássica, quero ser ousada.

na CK - tudo clean e básico na ala masculina, o que não diferencia na feminina
o dia que voltei pra trocar o jeans na loja Guess ele correu pra CK pra comprar mais...cuecas..elas são uma graça..ele confirma que é super confortável.
Detalhe: até as bolsas da CK são as mesmas. Não se vê nada moderno, diferente sabe? Tudo muito igual. Eu amo mesmo é garimpar peças da CK e de outras marcas nas lojas de departamento com preços bem mais acessíveis, sem falar que o estilo não se encontra nos outlets da vida.

O endereço do Outlet? abaixo com o mapa das lojas. Espero que curtam na sua próxima viagem a Maui e que façam muitas compras, porque todo brasileiro(a) adoooora!...::)))
Site Plan

Xoxo! :))

Comments